Uma menina de 9 anos morre após ser espancada com um pedaço de pau durante um exorcismo no Sri Lanka

A polícia do Sri Lanka disse na segunda-feira que prendeu duas pessoas em conexão com a morte de uma menina de 9 anos que foi espancada repetidamente durante rituais que eles acreditavam que expulsariam um espírito maligno. Os dois suspeitos – a exorcista e a mãe da menina – compareceriam ao tribunal na segunda-feira para ouvir as acusações sobre a morte da menina, ocorrida no fim de semana em Delgoda, uma pequena cidade a cerca de 40 quilômetros a nordeste da capital Colombo.

Exorcismo de morte no Sri Lanka
A juíza investigativa do Sri Lanka Wasantha Ramanayake, à direita, e policiais inspecionam uma casa onde uma menina de 9 anos foi morta a tiros em Delgoda, Sri Lanka, no domingo, 28 de fevereiro de 2021.

Soudath Bobudo Keerthi / AFP


De acordo com o porta-voz da polícia Ajith Rohana, a mãe acreditava que sua filha estava possuída por um demônio e a levou para a casa de um exorcista para que rituais pudessem ser realizados para afastar a alma.

Rohana disse que um exorcista primeiro aplicou óleo na garota e depois começou a bater nela repetidamente com um pedaço de pau. Quando a menina perdeu a consciência, foi levada ao hospital, onde morreu. Uma autópsia foi marcada para segunda-feira.

Rohana disse que a mulher que realizava os rituais para a menina era conhecida na área por prestar esses serviços nos últimos meses e que a polícia estava investigando se outra pessoa havia sofrido abuso.

Rohana exortou o público a ter cuidado com esses serviços, porque a menina não foi a primeira a morrer durante esses rituais.

READ  A busca para recuperar a casa da família revela um passado enterrado pelo Holocausto

Teremos o maior prazer em ouvir seus pensamentos

Deixe uma Comentário

N1 Sergipe