Últimas

N1-Sergipe | O seu Blog de Notícias de Sergipe , Segundo envolvido na morte de sargento da PM morre após troca de tiros com a polícia , bahia , noticias , sergipe ,

Segundo envolvido na morte de sargento da PM morre após troca de tiros com a polícia

24 de janeiro de 2019

A ação policial aconteceu em uma residência no município de Barra do Jacuípe (BA)


Segundo envolvido na morte de sargento da PM morre após troca de tiros com a polícia O Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope) detalhou a operação deflagrada em conjunto com a Coordenação de Operações Especiais (COE) e a Delegacia de Itapuã, unidades da Polícia Civil baiana, que resultou na localização de Bruno Bispo Aragão, acusado de participação na morte do sargento Ronaldo Bispo Santos, de 54 anos. A ação ocorreu durante a madrugada desta quinta-feira, 24.
A ação policial aconteceu em uma residência no município de Barra do Jacuípe (BA). Com autorização da Secretaria da Segurança Pública do estado, a COE foi designada para dar apoio à Polícia Civil sergipana e cumprir o mandado de prisão em desfavor de Bruno. “Na madrugada de hoje nos deslocamos até o estado da Bahia e mantivemos contato com a Polícia Civil do estado que de pronto nos apoiou, foi conosco inclusive na entrada a nessa residência”, explicou o delegado André David.


A casa foi cercada e, no momento da prisão, o acusado reagiu e acabou sendo atingido. Ele foi socorrido e levado ao hospital Menandro de Faria, mas não resistiu. Com ele, foram apreendidos o revólver calibre 38 usado para matar o sargento da PM sergipana e munições.
O acusado, que atuava como traficante e possuía mandado de prisão, fugiu após o crime contra o militar. Ações da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol) descobriram que o criminoso estava escondido em um condomínio de luxo, na região.
“Bruno estava se escondendo naquela localidade, mas circulava pelos condomínios, não ficava isolado naquela residência. Ele circulava sem deixar nenhuma suspeita para que os moradores daquele local não desconfiassem que se tratava de um foragido,” destacou o delegado.
O latrocínio que vitimou o sargento da Polícia Militar de Sergipe ocorreu no dia 9 de janeiro deste ano, na cidade sergipana de Itaporanga D'Ajuda. Bruno Bispo aparece na imagem do circuito interno de TV atirando no militar.
Fonte: Ascom / SSP-SE