Governadores do Nordeste dialogam sobre Reforma da Previdência em Brasília

Governadores do Nordeste dialogam sobre Reforma da Previdência em Brasília

Governadores do Nordeste dialogam sobre Reforma da Previdência, em Brasília

Nesta quarta-feira (26), o governador Belivaldo Chagas participou de nova reunião com os governadores do Nordeste e o presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia, em Brasília. Na pauta, a inclusão dos Estados na Reforma da Previdência, objetivando melhores condições de desenvolvimento para o país e consequentemente, para os estados.

Além da inclusão dos Estados na Reforma da Previdência, temas como a repartição da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL), o Fundo Social, Cessão Onerosa, Securitização da Dívida, 30% do Fundo Constitucional do Nordeste – FNE, também vem sendo debatidos entre os gestores estaduais.

“Nossa disposição é de dialogar e ajudar e ao mesmo tempo fortalecer a região Nordeste. É fundamental para nosso futuro a aprovação de itens importantes como a securitização das dívidas, o bônus por assinatura, a cessão onerosa, a possibilidade de acessar recursos do Banco do Nordeste para investirmos em infraestrutura, o plano Mansueto, entre outras coisas. A nossa luta é para que Brasil e os estados possam avançar” disse Belivaldo.

Os governadores do Nordeste dialogam em defesa da manutenção dos Estados na reforma e sinalizam apoio às mudanças previdenciárias, desde que sejam suprimidas da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) as mudanças no Benefício de Prestação Continuada (BPC) e aposentadoria rural.

No início deste mês, o governador Belivaldo Chagas e demais governadores do Nordeste divulgaram uma carta em defesa da manutenção dos Estados na reforma da Previdência. O documento reconhecia a necessidade das reformas da Previdência, tributária, política e a revisão do pacto federativo, porém ainda afirmava haver divergências em relação às alterações previstas para o BPC e para a aposentadoria rural, a qual os gestores consideram necessitar de atenção especial e proteção do setor público.(Foto: Roque Sá)

Via ASN 

Iklan Atas Artikel

Iklan Tengah Artikel 1

Iklan Tengah Artikel 2

Iklan Bawah Artikel